FAMÍLIA CARRILHO CRUZ

 

AO MEU ESPOSO
Ondina Carrilho Cruz

Ele foi água pura de nascente
foi amigo terno que ensinou a gente
Foi o amor puro que amou ardente
Ele foi sério, foi alegre e sorridente.

 



AOS MEUS FILHOS

Ondina Carrilho Cruz

Na vida tive doze amores
Com os doze eu vivi
Dei a vida pelos doze...
Pelos doze eu morri.

Pelos doze eu renasci
Pelos doze eu me alegrei
Pelos doze eu sofri
Pelos doze me realizei.

Só dez ficaram comigo
Os dois... o Cristo levou
Os dez já estão florindo
Os netos abrindo em flor.




JUSTIFICATIVA AOS NETOS
Ondina Carrilho Cruz

Se para cada neto
Versos fosse compor
Do chão até o teto
Papéis iria pôr!...

 

 

 

 

*Clique no Livro de Visitas para ler ou escrever uma mensagem*

 

Música: As Rosas não falam

 

*Copyright © 2006 - Ondina de Aquino Carrilho Cruz Home Page®*
*Todos os textos aqui publicados, estão devidamente registrados,
portanto protegidos pela Lei nº 9.610/98.*
*Webmistress Ligi@Tomarchio®*
*Melhor visualizado em 800x600*
*Website, no ar desde 27/04/2006*